Medicina Tradicional Chinesa

A Medicina Tradicional Chinesa é uma cîencia milenar da China que nada possui em comum com a medicina ocidental, alopática, e que incorpora cinco aréas principais: acupuntura e moxabustão, fitoterapia, massagem, exercícios terapeuticos, dieta.

Acupuntura e Moxabustão

Terapias muito antigas, onde a primeira usa agulhas introduzidas em pontos específicos do corpo humano e induzem ao equilibrio energético, e a segunda usa o calor da queima de ervas nos pontos de acupuntura.
É importante notar que a MTC trabalha com uma espécie de energia vital que os chineses chamam de Tchi. Todas as técnicas envolvidas utilizam-se desta energia, procurando atingir o equilibrio energético no paciente, fortalecendo seu organismo e tratando dessa forma o mal que o acomete. A MTC não trabalha diretamente com orgãos e sistemas do corpo como a medicina ocidental, mas sim com o TCHI de cada orgão, suas variações e manifestações. Sendo assim a Medicina Tradicional Chinesa (MTC), multi-milenar, não posui qualquer relação com a medicina alopática ocidental e seus princípios.

Moxabustão

A moxa constitui uma parte importante da ciência da Acupuntura e é um método terapêutico externo, cuja técnica consiste em utilizar a combustão da moxa.

A Artemísia Vulgaris, matéria prima da moxa, é uma planta composta, cujas as folhas servem para a fabricação de medicamentos tradicionais, tanto para beber como para uso externo. Tais medicamentos segundo A medicina Tradicional Chinesa atuam elimindo o vento e a Umidade, aquecendo os canais de energia e provocando a homeostasia.A folha desta Artemísia,seca e triturada se transforma em uma mexa semelhante a um algodão . Esta mexa devidamente preparada recebe a denominação de moxa, e é utilizada como matéria prima para aquecimento dos pontos de Acupuntura , aplicada para um grande número de patologias.

A moxa tem efeito de aquecer os canais de Energia, de dispersar o frio, regular a circulação de sangue e da energia, de recuperar o Yang, assim como de eliminar edemas e de desintoxicar, etc. Estes efeitos são obtidos pelo calor da moxa que estimula os pontos e canais de enrgia.

Além disso, na antiguidade a moxa era usada para o fortalecimento da saúde. Nos últimos anos conseguiu-se muitos êxitos através da moxa no serviço sanitário e na prevenção de apoplexia e da gripe.

Ventosaterapia

É um método terapêutico que consiste em utilizar as ventosas, com finalidade de tratar as doenças . Aplicando-as na pele produz uma pressão negativa que tem o objetivo de drenar o sangue.

O tratamento pela ventosa é parecido com a troca de gás no corpo, sendo um excelente modo de tratar órgãos e meridianos, mas também quando se necessita tratar o sangue de forma natural só existem dois meios: ventosa e fitoterapia . O trabalho exercido pela ventosa tem a função de limpar o sangue estagnado e eliminar a toxidade, o tratamento de pele , pois alem de ajudar a melhorar a oxigenação do sangue , favorece no revigoramento da pele porque ativa a circulação do sangue no micro capilar da pele.

Na ventosaterapia existe uma duplicação de processos curativos onde para cada caso ela pode ser aplicada com diferentes funções terapêuticas, por exemplo nas situações em que existe a necessidade de se extrair agentes tóxicos do corpo,produzir limpeza sanguínea, contribuir para a livre circulação sanguínea e de energia, vitalizar o sistema interno, tratar doenças em geral, tudo isso ocorre devido ao fato de haver uma estimulação no organismo ou seja um controle ou desenvolvimento no sistema nervoso e em virtude de atuar no sistema nervoso que possui também relação com todos os órgãos e vísceras, exercendo assim uma relação muito forte com a saúde e o desenvolvimento muscular, isso somente é possível porque o oxigênio é um fator muito importante e atua tanto no crescimento como no desenvolvimento somático desse conjunto de sistemas integrados.

Fitoterapia na Medicina Chinesa

As cores representam os cinco elementos do I Ching são: o verde, o amarelo, o vermelho, o branco e o preto.

O que a cor verde significa? Ele é o símbolo de todas as plantas. E o que as plantas significam para nós? Elas representam os remédios que a Natureza nos oferece.

A Fitoterapia da Medicina Chinesa data de tempos remotos, por volta de 2700 anos A.C.. Naquela época, o famoso Mestre das ervas “Shen Lon” experimentou, com seu próprio corpo, centenas de ervas e essas experiências resultaram na obra “ O Tratado das Ervas “( Pen Tsao Jin); ele foi o pioneiro da fititerapia da Medicina Chinesa.

Os tempos se passaram e inúmeras experiências foram feitas até os dias de hoje, e ainda outras continuam se desenvolvendo para ajudar a humanidade. Isso não foi uma mera coincidência . A China é o pais mais populoso do mundo, onde a fitoterapia da Medicina Chinesa fez uma importante contribuição para isso. Ao mesmo tempo, não podemos também esquecer as praticas e os treinamentos como Tchi Kun, Tai Chi Chuan e etc. Que são terapias através dos treinos da essência, da energia e do Espírito ( Tin, Tchi, Shen) para ajudar na manutenção da saúde.

Apesar dos avanços na farmacologia moderna , foram descobertos diversos efeitos colaterais dos remédios compostos com base química. Portanto, a Fitoterapia baseada nos produtos naturais, novamente esta sendo pesquisada e tornando-se cada vez mais aceita pela população do mundo inteiro.

Os remédios naturais como já é de conhecimento comum não apresentam efeitos colaterais agressivos. Alem do mais, dependendo dos fatores geográficos e climáticos do ambiente , uma grande diversidade de plantas podem ser geradas beneficiando os habitantes e os animais daquela região. Por exemplo: No clima frio da região nordeste na China e na região da divisa com a Coréia , as terra nesses locais geram o Ginseng que possui ótimo efeito para tonificar a energia do homem.

Na ilha de Aruba encontramos um clima extremamente quente e cheio de vento com a areia, porem , ali são geradas plantas de Babosa em abundância , as quais tem efeito terapêutico para queimaduras e hidratação da pele com sua propriedade de tirar o calor.

O Brasil é considerado um pais muito privilegiado , muito rico nesses tesouros verdes. É muito fácil encontrar nessa grande extensão de terras ,ervas com efeitos terapêutico ou tonificantes para nosso corpo.

Quando sentimos indisposição , é necessário verificar primeiro, se nossos costumes de alimentação, sono e etc. estão normais; assim podemos analisar e descobrir a causa da doença. Muitas vezes, podemos nos tratar através desses remédios naturais, que são facilmente encontrados em nossa redondeza, os efeitos terapêuticos de muitos deles são surpreendentes.

Massagem

A massagem Tui Na é citada em livros muito antigos como é o caso do Huang Ti NeiChing ( o livro de ouro da Medicina Tradicional Chinesa ), escrito a mais ou menos 5000 anos atrás.
Durante as várias dinastias que se sucederam esta massagem foi tomando corpo e se difundindo entre o povo chinês, por exemplo durante a Dinastia Han, a massagem era conhecida com o nome de MA-SA e depois na Dinastia Tan, era conhecida com o nome de AN- MA recebendo o nome atual na Dinastia Ming. Com o tempo vários tratados foram surgindo e uma metodologia especifica foi criada.